quinta-feira, maio 31, 2007

Vantagens e Desvantagens

O Gás Natural apresenta diversas aplicações: Pode ser usado como combustível para fornecimento de calor, geração e cogeração de energia, como matéria-prima nas indústrias siderúrgica, química, petroquímica e de fertilizantes. Na área de transportes é utilizado como substituto de outros combustíveis.

Na indústria de petróleo:
• Injeção de gás em reservatórios, visando aumentar a recuperação de petróleo (óleo + gás);
• Consumo interno em virtude da disponibilidade no próprio local de trabalho, em substituição a outros produtos alternativos, com redução substancial dos custos.

Como matéria-prima:
É utilizado na indústria petroquímica, principalmente para a produção de metanol, e na indústria de fertilizantes, para a produção de amônia e uréia.

Como uso domiciliar:
Pode ser usado para cocção de alimentos, em substituição ao GLP (Gás Liqüefeito de Petróleo), para aquecimento de água e climatização de ambientes, em substituição à energia elétrica.

No setor de transporte:
Caracteriza-se como uma opção técnica e economicamente viável de substituição do álcool e gasolina para os veículos de passeio. Também pode ser usado em veículos pesados, movidos a diesel. O Gás Natural reduz fortemente a emissão de resíduos de carbono, o que aumenta a qualidade do ar, reduz os custos de manutenção e aumenta a vida útil do motor.

No setor energético:
Permite a geração de energia elétrica, a partir de motores a combustão interna, turbinas a gás e até mesmo das recentes células a combustível. O Gás Natural também é bastante utilizado em sistemas de cogeração de energia, que é a produção seqüencial de mais de uma forma útil de energia, a partir do mesmo energético. Desta forma, pode-se, por exemplo, ter um sistema a turbina a gás que gera energia elétrica e energia térmica, que pode ser aproveitada a partir dos gases de exaustão.

Como combustível industrial/comercial:
O Gás Natural vem sendo utilizado como combustível na substituição de uma variedade de outros combustíveis alternativos, como: a madeira, carvão, óleo combustível, diesel, GLP (Gás Liqüefeito de Petróleo), nafta e energia elétrica, tanto em indústrias, como em comércios. Proporciona uma combustão limpa, isenta de agentes poluidores, ideal para processos que exigem a queima em contato direto com o produto final, como, por exemplo, a indústria de cerâmica e a fabricação de vidro e cimento.

Desvantagens

As desvantagens do Gás Natural em relação ao butano são: mais difícil de ser transportado, devido ao fato de ocupar maior volume, mesmo pressurizado, também é mais difícil de ser liquidado, requerendo temperaturas da ordem de -160°C.
Atualmente estão sendo investigadas as jazidas de hidratos de metano que se estima haver reservas energéticas muito superiores às atuais de Gás Natural.

Fontes Utilizadas:
http://www.ctgas.com.br/template02.asp?parametro=95
http://pt.wikipedia.org/wiki/Gás_Natural

Aline.

3 comentários:

Taise disse...

Gostei do site, mim ajudou muito em uma pesquisa sobre o gás natural.
;)

mayara ou não disse...

Quando passei esta matéria para o Word, dizia que havia algumas palavras erradas !
por favor espero que vcs confiram se as palavras estão escritas realmente corretas *#* !

T@inara disse...

Eu adorei esse site ele fala bastante coisas interessantes que me ajudou mt em uma lição de casa